25/11/2011

Saudades do Júlio Marques da Costa 111124




Júlio, estarás sempre na nossa memória, com as saudades de momentos de convívio salutar, próprios de quem se conheceu há mais de 59 anos vividos à luz de valores éticos muito especiais.

3 comentários:

sessentaequatro disse...

Deixa grata memória
Que descanse em paz onde quer que seja,até porque o fim lhe foi atribulado

Celle disse...

João e Luis
percebo que faz alusão aqui da perda de um amigo estimado, uma pessoa especial, talvez companheiro desses almoços de companheirismo e amizade, dificil de encontrar em nossos dias, lamento muito pois conheço a grandeza de seus corações e sei dos seus valores. Como colaboradora do Só Imagem deixo um sentido abraço aos amigos e aos demais colegas do Sr. Julio Marques da Costa e seus familiares.
Um abraço
celle

A. João Soares disse...

Querida Amiga Celle,

Muito agradeço as suas palavras cheias de simpatia. As fotografias apresentadas foram obtidas em convívios das últimas quartas-feiras do mês a que ele comparecia algumas vezes. O comentador sessenta e quatro é um dos convivas que numa fotografia está ao lado do Júlio.

O que mais nos choca é que o desenlace ocorreu em consequência de uma pequena queda em casa que acabou por ter um resultado muito desagradável. A vida traz destas surpresas. Daí que seja defensável que, embora sem comprometer o amanhá, se deva pensar em viver da melhor forma o momento actual, extraindo o máximo prazer e usando das maiores precauções.

Um dos nossos amigos dizia-me há pouco que um ditado das nossas Beiras diz «Cautelas e caldos de galinha nunca fizeram mal a ninguém»

Beijos
João